sábado, 31 de janeiro de 2009

Aurora, DA FARRA FILOSÓFICA, Travessia, RAIO XIS (Jesus)


Aurora

o vagar de um escorpião
assemelha-se à noite,
austera
olhando o pouco que lhe resta,
e que jaz,
envenenado pela vida...


DA FARRA FILOSÓFICA

( AFINAL, SALOMÃO- OU SERIA SÓCRATES?- JÁ DIZIA :
DENTE POR DENTE E GOLE POR GOLE... NÃO HÁ DE
SE CULPAR A NOITE EM TER DADO O PRIMEIRO
TRAGO...)


Travessia

a vida anoitece a zombar do mar
vitimada pelos olhos claros do luar
a luz escapole pelo mundo...

( irrisório mundo )

de dentro do quarto brotam amores
em cores pastéis
uma mulher olha ao longe

( quem vem lá ? )

o farol ilumina a passagem
nada passa ( não sem rima )

apenas o começo de tudo
por fim, termina...


RAIO XIS


ENXERGUEI,
ATRAVÉS DOS CAMPOS
DEPAREI-ME COM TUA FIGURA
TATEEI O TEU OLHAR AOS PRANTOS
E NA CALADA DA NOITE,
PROCUREI O MAR
O MAR QUE CURA...


Marcos André Carvalho Lins é
bacharel em Direito formado na Universidade Federal de Pernambuco e ocupa o cargo de Técnico Judiciário Federal no TRT -6a Região (Pernambuco), sendo também escritor diletante


Anteriores:

Porta-bandeira, Suicídio empírico, Circunda
O silêncio, Gestos de busca, LUTO, ESTRELAS NUAS.
Ser humano, SER, APENAS AMAR, Beneditas
A fonte (Infância, Interfaces, Tiro no escuro)
Receita de ano novo
Feliz...
No princípio
Urbe
Valeu, Leandrão!!!
Saudades
Cosmo
Para ti
A rosa e o vento
Toda saudade que existe
Ser grande
Latifúndio
Caminhos
Sentido
Abraço
Sou em ti porque és em mim.
Cemitério Clandestino
CARTA ( PÓSTUMA ) À MINHA VÓ
MINHA AVÓ-MARIA DA GLÓRIA LEITE CARVALHO
À minha vida
Futuro do presente
Poema para ler dormindo.
Canal VB parece mais aula de literatura.
Tu

Um comentário:

Adriana Costa disse...

Olá
tem um selo virtual de reconhecimento para o Veneza de Brasileiros no meu blog.

Abraços @}--