domingo, 3 de agosto de 2008

Violetas

Peso do lume
Caos
( nóia !)
Blecaute
Nos olhos
Nos poros
Os gritos irrisórios

( breves )


Há um futuro,
( sim eu juro ! )
Onde ninguém acenderá velas,
Para alumiar os passantes

( almas errantes )

Onde os ventos sopram violetas,
Até a rua singela e estreita,
Onde um dia nasceu a PAZ...

de Marcos André Carvalho Lins


ANTERIORES

-Flores Secas
-José Corajoso
-UniversÚtero
-Ponte
-O tempo e o Vento
-Aniversário
-Maresia
-Semana Marcos André Carvalho Lins III
-Calos N’alma
-Meios
-O Silêncio
-Cosmo
-Copo
-Releitura
-No cais da vida
-3ºconcurso de Fotografia Next-Photo
-Os amigos das Aves
-E você??? É um recifense de verdade???
-Dança – O que cria? O que estabelece???
-Do Telhado
-De todo ser
-Cultura e Mito
-Freud, Cemitério e outras besteiras
-Árvore em Mim
-Arteviva Realiza Musical no Teatro Armazém 14
-Todas as quartas têm de graça.
-Desmatamento
-A santa
-Foi-se
-Baile do Menino Deus é atração no Marco Zero
-E passou...

Galeria de Imagens.

Nas Portas (de Olinda) Fernanda Caldas Fernanda Caldas conxitas Estádio da Ilha do Retiro IIISolidão

Um comentário:

Coletivo CASA disse...

Gostei de seu Blogg Marcos!!!
Acredito que conheças um pouco de Haikai. Pois é, minha irmãzinha está precisando de uma ajuda para um projeto a ser realizado na Escola Arco-íris, que fica em Recife, no Bairro da Várzea. Você poderia entrar em contato?
O mail dela é:
laurinhadoidop3@hotmail.com
Obrigado